Concentre-se no que você pode controlar

Concentre-se no que você pode controlar

Nem todos os fatores no mercado estão sob nosso domínio 

A mensagem transmitida pelo título deste artigo é de fácil entendimento, contudo, sua implementação se mostra desafiadora. O que exatamente isso significa? A experiência adquirida ao longo de vários anos atuando no setor financeiro revela uma vantagem significativa: a compreensão de que nem todos os fatores estão sob nosso domínio. Com o passar do tempo, aprende-se que, ao invés de dedicar atenção a aspectos que fogem do nosso controle, é mais produtivo direcionar nossos esforços para as áreas que podemos de fato influenciar.

Frequentemente, as previsões sobre diversos aspectos, como economia, moedas, inflação e política, acabam não se concretizando. O erro nas projeções ocorre porque tenta-se antecipar mudanças em demasia. Warren Buffet, considerado o maior investidor da história, sempre enfatizou sua estratégia de focar em elementos que permanecem constantes ao longo do tempo. Ele investe em fundamentos que se mantiveram verdadeiros por séculos e que continuarão relevantes no futuro, o que lhe rendeu grande sucesso. Em uma entrevista, Buffet destacou sua incerteza sobre o timing de recessões futuras, mas expressou confiança no entendimento do comportamento humano, observando que o medo e a ganância são emoções constantes, que não sofreram alterações ao longo do tempo.

Este conceito pode ser aplicado tanto à vida pessoal quanto ao ambiente do mercado financeiro. Pense em um evento da sua vida pessoal que causou preocupação, mesmo sem que houvesse qualquer ação possível da sua parte para mudar o cenário. Provavelmente, você conseguirá identificar diversos exemplos. Da mesma forma, no mercado financeiro, há ocasiões em que se é influenciado por uma narrativa de mercado, levando a tomadas de decisão que acabam causando inquietação. No entanto, essa preocupação se revela infrutífera, pois, apesar das narrativas, os mercados geralmente seguem sua tendência principal, independente das previsões ou das ações individuais.

Evite tentar antecipar a próxima grande inovação tecnológica ou quando ocorrerá a próxima recessão. É importante reconhecer que os mais brilhantes especialistas estão debatendo essas questões agora mesmo e, mesmo assim, muitas vezes falham em suas previsões. A estratégia mais segura é investir em áreas com as quais você está familiarizado e que têm a garantia de permanecer relevantes por muitos anos. Por exemplo, é improvável que, em um futuro próximo, haja uma diminuição na demanda por serviços essenciais como água potável, saneamento básico e eletricidade. Esses são serviços fundamentais que continuarão a ser necessários, garantindo assim sua relevância contínua.

Atualmente, atravessamos uma fase de volatilidade no mercado financeiro, caracterizada por uma peculiar inversão nas reações às notícias: informações positivas podem resultar em impactos negativos nos mercados e, inversamente, más notícias às vezes impulsionam os mercados para cima. Esta tendência sublinha a natureza imprevisível e inconstante do mercado, onde as perspectivas podem se alterar drasticamente de uma semana para outra.

Quando considerar investir em um ativo que promete ser o próximo grande sucesso, é crucial dedicar tempo ao estudo e à análise financeira. Lembre-se de que as empresas disruptivas de sucesso não surgem de repente, elas são as sobreviventes em um campo repleto de competidores que não conseguiram avançar. Atualmente, com as taxas de juros elevadas em escala global, o cenário para startups se tornou mais complicado. O acesso ao capital barato, antes abundante, agora é restrito, tornando o ambiente muito mais desafiador. Portanto, é essencial proceder com cautela e realizar uma avaliação minuciosa antes de fazer investimentos, especialmente em mercados potencialmente voláteis ou incertos.

A essência da mensagem é que, no contexto do mercado financeiro, o foco deve ser direcionado para investimentos em ativos que, independentemente das flutuações e narrativas de mercado de curto prazo, representam negócios com a capacidade de se manter e prosperar ao longo do tempo. Isso implica escolher investimentos baseados na solidez e na perenidade do negócio, olhando além das oscilações temporárias e das notícias momentâneas, para garantir que suas escolhas de investimento sejam sustentáveis e resilientes diante das inevitáveis variações do mercado. 

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Quarta, 24 Abril 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://moneynownews.com.br/